quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Fotografias




Hoje, enquanto olhava as fotos antigas, lembrou-se do tempo em que juravam amor eterno e sonhavam o sonho de ficarem juntos.

Lembrou-se de quando se amavam e das vezes que brigavam por bobagens, enquanto ele via o futebol ou enquanto ela via novela. Lembrou-se que ela sofria de ciúme retrospectivo quando ele falava algo sobre alguma ex.

Hoje, enquanto olhava as fotos antigas, pôde perceber o quanto foram crianças em acreditar que seria pra sempre. O quanto foram crianças por não aproveitarem mais, por acharem que teriam a eternidade pra fazerem isso.

Hoje, ao chorar diante das fotos dos dois, lembrou-se que quando chorava, ela vinha pra socorrê-lo e lhe dá amor. E hoje, depois de chorar diante das fotos, notou que quando chora está sempre nos braços de uma dama qualquer que lhe acalma e cobra por prazer.

PS: “[...] Seus braços caminhavam sobre a cama vazia [...] só, passou a entender a mitificação de que está triste é está só, o resto é só distração [...]” (Maglore)

Nenhum comentário: